Menu Obra Digital | Fechar Obra

  • Sumário
  • Índices
  • Ficheiros
Título: A Epopeia da Planície
Autor: António Sardinha
Cota: BDA - 06-1AS01_821.134.3-1 EPO
Resumo
(Ler Resumo)

António Maria de Sousa Sardinha foi um político e poeta português, tendo-se destacado como ensaísta e polemista. Na sua obra, afirmou-se como a principal referência doutrinária do Integralismo Lusitano. Defendia uma monarquia tradicional, orgânica, anti-parlamentar.

Para os integralistas, o municipalismo e o sindicalismo eram duas palavras-chave de um ideário político que não dispensava o Rei, entendido como o melhor garante e defensor das liberdades republicanas. António Sardinha era também anti-iberista, pois em vez da fusão dos Estados de Portugal e de Espanha, propunha uma aliança entre todos os povos hispânicos, a lançar por intermédio de uma aliança entre os dois Estados da Península, ambos reconduzidos à monarquia.

É com base nestas premissas e linha de pensamento que foram escritos os poemas da Epopeia da Planície: poemas das terra e doa sangue, um verdadeiro hino ao Alentejo.

  
Dados Bibliográficos
A Epopeia da Planície, Poemas da Terra e do sangue, António Sardinha
Coimbra, F. França Amado, 1915
277 p.
Sardinha, António
89
91, BDA - 06-1AS01_821.134.3-1 EPO
, BMM - 821.134.3-1 EPO
  
Obras Relacionadas
Título: Processo de um Rei
Autor: António Sardinha
Cota: BDA - 06-8AS01_821.134.3-94 PRO
Título: O Valor da Raça
Autor: António Sardinha
Cota: BDA - 06-8AS04_821.134.3-94 VAL
Título: O Sentido Nacional de um Existência
Autor: António Sardinha
Cota: BDA - 06-8AS03_821.134.3-94 SEM
Título: O Território e a Raça
Autor: António Sardinha
Cota: BDA - 06-8AS02_821.134.3-94 QUE