Menu Obra Digital | Fechar Obra

  • Sumário
  • Índices
  • Ficheiros
Título: Cancioneiro Geral
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB13_B6869
Resumo
(Ler Resumo)
Este Cancioneiro Geral pretende ser um complemento ao Cancioneiro Geral de Garcia de Resende. Durante as suas pesquisas e trabalhos na Biblioteca Pública de Évora, António Francisco Barata foi copiando poesias quinhentistas, principalmente do Códice CXIV / 2-2, também aqui reproduzido As poesias reunidas nesta monografia datam desde 1516 até ao século XVII e são de autores tanto portugueses como castelhanos, contando-se entre eles nomes sonantes como Francisco Sá de Miranda, D. Manoel de Portugal, Conde do Vimioso, Francisco de Sá Menezes. Apesar do rascunho da monografia estar concluido cerca de trinta anos antes, acabou por ser apenas publicado em 1902 por falta de mecenas. A obra foi dedicada a José Carlos de Gouvêa e avaliada por Teófilo Braga.
  
Dados Bibliográficos
Cancioneiro Geral, António Francisco Barata
Évora, Typ. Eborense, 1902
XXV, 271 p.
Barata, António Francisco
406
411, BDA - 06-1AB13_B6869
, BPE - B6869
  
Obras Relacionadas
Título: Évora Antiga
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 01(2)AB01_S1 94(469.52) EVO BAR
Título: Memoria histórica sobre a fundação da Sé de Évora e suas antiguidades
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB01_ S2 726.6(469.52)EVO (091) BAR mem
Título: Memoria descritiva do assalto, entrada e saque da cidade de Évora pelos francezes, em 1808 por D. Frei Manuel do Cenáculo Villas Boas
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB04_B 132575
Título: Catacumbas
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB05_B 6817
Título: Existência até ao presente da Cartuxa de Évora
Autor: D. Bruno da Silva
Cota: BDA - 04-94BS01_B 6768
Título: Catalogo do Museu Archeologico da cidade de Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-93AB02_B 6820
Título: O Alemtejo histórico, religioso, civil e industrial no districto de Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 01(ALT)AB01_BPE
Título: Évora e seus arredores
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 12AB02_B 6791
Título: Luiz de Camões em Évora no anno de 1576 com algumas considerações
Autor: António F. Barata
Cota: BDA - 04-93AB04_B 6759
Título: Roteiro da cidade de Évora e breve notícia dos seus principaes monumentos
Autor: António F. Barata
Cota: BDA - 12AB01_ B 132577
Título: Estemma de pertetuas na campa do Dr. Augusto Filippe Simões
Autor: Gabriel Pereira, António F. Barata
Cota: BDA - 02(AS)BP01_C 410
Título: Ridendo André de Resende II
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-8BR01_B 6816
Título: Gil Vicente e Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB01_B 6761
Título: Homenagem da cidade de Évora a Alexandre Herculano com inéditos delle
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB02_B 6770
Título: Breve notícia do Mosteiro de Santa Helena do Monte Calvário em Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB03_B 6763
Título: Breve Memória Histórica do Mosteiro de Nossa Senhora do Espinheiro
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB02_B 6760
Título: Photographia Moral de António Francisco Barata empregado em Évora para ser vista pelo illustrissimo senhor Abel Martins Ferreira cónego da Santa Sé da mesma cidade
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AB)AB01_B 6815
Título: Catalogo dos principaes manuscritos da livraria do Visconde da Esperança
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-93AB01_B 6769
Título: Páginas da Vida
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AB)AB02_ B 132561
Título: Onde a Injuria? Quem o offendido?
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AB)AB03_ B 6851
Título: Traços biographicos do Excellentissimo Senhor Conselheiro Augusto Cesar Barjona de Freitas (no dia do seo 53.º anniversario)
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AF)AB01_ C 9874
Título: Noticia Bio-Bibliographica de um bispo pouco conhecido: D. António José de Noronha e de suas obras inéditas
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AN)AB01_B 6807
Título: Ultima verba André de Resende, Lúcio? Resposta e additamento a um artigo da Senhora D. Carolina Michaelis de Vasconcelos Inserto no vol. 3.º do Archivo Historico
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AR)AB01_C436
Título: Mais um falso D. Sebastião
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB09_ A 16813
Título: Epigraphia dos Lusíadas
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB01_ B 10710
Título: Vasco da Gama
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB05_ B 6794
Título: Infantes Portuguezes
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB10_ B 1596
Título: Historia breve de Coimbra, sua fundançam ,armas, igrejas, collegios, conventos, e universidade dedicada ao senhor Pedro Hasse Bellem, fidalgo da Casa de sua Magestade, e Commendador da Ordem de Christo
Autor: Bernardo de Brito Botelho
Cota: BDA - 04-94BB01_B6799
Título: Camoneana
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB06_B 6797
Título: Raridade Bibliographica (inédita)
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB07_B 6802
Título: Commemoração Gloriosa da Morte de Luiz de Camões 10 de Junho de 1889
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB08_B6803
Título: Benedicta tu in mulieribus
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB09_B6808
Título: Excerptos de um Cancioneiro Quinhentista
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB10_B132558
Título: Documentos de Diogo de Tovar
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB11_B132560
Título: Novas Lucubrações d’um artista
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB12_B132565
Título: A Luiz de Camões Homenagem
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB14_C439
Título: Cancioneiro Portuguez
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB15_B132576
Título: Epigraphia Camoneana ou Collecção de Epigraphes de Camões sobre Diversos Assumptos
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB17_B6872
Título: Carta alegre a um amigo de Setúbal
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-1BR04_B6806
Título: Lucubrações d’um artista
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB16_B6884
Título: Carta a seu mestre
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-1BR05_B6809
Título: Sesmas
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-1BR06_B132569
Título: Noites de Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB03_A6840
Título: In Memoriam
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB18_6846
Título: Viagens na minha livraria
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB10_A1658
Título: A Monja de Cistér
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-31AB05_A1704
Título: A Beata de Évora
Autor: Bruno da Silva
Cota: BDA - 06-31BS01_B6897
Título: Adosinda
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-2AB02_A2359
Título: Castilho, Garrett, Herculano
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB09_A16793
Título: Carta ao...Senhor Abílio Augusto da Fonseca Pinto depois da leitura do episódio Inês de Castro de Camões....
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-6AB02_B132562
Título: Um duello nas sombras ou D. Francisco Manuel de Mello
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB12_B12388
Título: Tosquia de onagros
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-8BR02_B6804
Título: Miscellanea Histórico-Romantica
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB11_A1711
Título: Mysterios de Coimbra
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB13_B132564
Título: Perolas seiscentistas de D.Francisco Manoel de Mello
Autor: Bruno da Silva
Cota: BDA - 06-3BS01_B6796
Título: Os Jesuítas na corte
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-8AB02_B6896
Título: O Manuelinho de Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-8AB03_B6894
Título: A Conquista de Coimbra
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-2AB01_B132563
Título: O Rancho da Carqueja
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-8AB04_B6888
Título: Estudos da Língua Portugueza
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 11AB02_B6899
Título: O Ultimo Cartuxo da Scala Caeli
Autor: Bruno da Silva
Cota: BDA - 06-31BS02_A1655
Título: Breve notícia da freguesia de São Miguel de Machede
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 01(2)AB02_B6783
Título: Subsidios para a biographia do poeta Jeronymo Corte Real
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(JR)AB04_B6777
Título: Resumo da história de Portugal para uso das escolas
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB08_B6790
Título: Origem antiquissima dos Fialhos deste reino de Portugal
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(F)AB02_A6837
Título: Quadros historicos das tres ultimas dynastias
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB06_A6838
Título: A batalha de Toro
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-94AB07_B6847
Título: Carta ao Illmo. e Exmo. Sr. Augusto Soromenho
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-6AB01_B6848
Título: Sermas
Autor: Bonifaciano Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-6BR01_B6843
Título: Homenagem ao Infante Dom Henrique no quingentésimo aniversário do seu nascimento no Porto em 4 de Março de 1394
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(IH)AB01_B6793
Título: Biographia do excellentissimo senhor Luiz Maria d'Assumpção
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(LA)AB01_B132568
Título: Vasco da Gama em Évora
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(VG)AB01_B132572
Título: Advertencias curiosas sobre a lingua portugueza
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 11AB01_B6845
Título: André de Resende e não Lúcio André de Resende
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(AR)AB02_C438
Título: Á posteridade e esboços biographicos dos...Francisco Eduardo de Barahona Fragoso e D. Ignacia Angelica Fernandes de Barahona...
Autor: D. Bruno da Silva
Cota: BDA - 02(BF)BS01_C443
Título: Fernando Martins de Bulhões (Santo António)
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 02(FB)AB01_C954
Título: Isabel de Sousa ou a origem dos Palmellas
Autor: D. Bruno da Silva
Cota: BDA - 06-2BS02_B6780
Título: Breve confronto de um impresso da Academia Real das Sciencias com um manuscripto do... Visconde da Esperança sobre a história da ilha de Ceilão
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 04-93AB05_B6789
Título: Uma carta inedita de Antonio Feliciano de Castilho
Autor: Bonifácio Tranca Ratos
Cota: BDA - 06-6BR02_B6787
Título: Arte nova de algarismo
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB02_B6782
Título: Lembranças da patria Goes
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-94BR01_B6779
Título: Concordantur praecipua loca inter Virgilium et Camonium
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-3AB06_B6775
Título: Carta Joco-Seria
Autor: António Francisco Barata
Cota: BDA - 06-1AB04_B6785
 
Ignorar Hiperligações de Navegação.
Fechar ObraObra
Expandir [Capa][Capa]
Expandir [Anterrosto][Anterrosto]
Expandir [Rosto][Rosto]
Expandir Ao Illustrissimo e Excellentissimo Senhor Conselheiro José Carlos de GouvêaAo Illustrissimo e Excellentissimo Senhor Conselheiro José Carlos de Gouvêa
Expandir Prefação do compiladorPrefação do compilador
Expandir Juízo critico do Doutor Theophilo BragaJuízo critico do Doutor Theophilo Braga
Expandir Mandaste-me pedir novasMandaste-me pedir novas
Expandir Pequena tomei amorPequena tomei amor
Expandir Des que una ves mireDes que una ves mire
Expandir A ver en tanta hermosuraA ver en tanta hermosura
Expandir Nenhum effeito torpe da cubiçaNenhum effeito torpe da cubiça
Expandir As cousas que não tem curaAs cousas que não tem cura
Expandir Isto não é vidaIsto não é vida
Expandir En que podre esperar contentamentoEn que podre esperar contentamento
Expandir El luego se hizo semanaEl luego se hizo semana
Expandir Tenho um bem que mal me trataTenho um bem que mal me trata
Expandir Los servicios recebidosLos servicios recebidos
Expandir Vou mordendo e arranhandoVou mordendo e arranhando
Expandir A morte do Conde da FeiraA morte do Conde da Feira
Expandir Tenho um amo singularTenho um amo singular
Expandir Ai! misero, sujeito á naturezaAi! misero, sujeito á natureza
Expandir Já não quero de meu malJá não quero de meu mal
Expandir Quem não parte na maréQuem não parte na maré
Expandir Que coberta de cubiçaQue coberta de cubiça
Expandir Para que me dán tormantoPara que me dán tormanto
Expandir Christãos e mourosChristãos e mouros
Expandir Ao mundoAo mundo
Expandir Aqui jaz um tão honrado. O mal de ser eu gottoso. Só vás no mal albardado!Aqui jaz um tão honrado. O mal de ser eu gottoso. Só vás no mal albardado!
Expandir Para que me dán tormentoPara que me dán tormento
Expandir Pode dar, pode tirarPode dar, pode tirar
Expandir Quem diz temor, diz morte.Quem diz temor, diz morte.
Expandir A sentença dada contra um fidalgoA sentença dada contra um fidalgo
Expandir O mor trabalho de todosO mor trabalho de todos
Expandir Meus males tudo procuramMeus males tudo procuram
Expandir Voy como loco sin tientoVoy como loco sin tiento
Expandir Tudo o que vejo tem fimTudo o que vejo tem fim
Expandir Por ver se tanto mal se acabariaPor ver se tanto mal se acabaria
Expandir Mundo quien te conocieraMundo quien te conociera
Expandir Que me dá que se me dê?Que me dá que se me dê?
Expandir Dois dias não dão signaesDois dias não dão signaes
Expandir Se tendes por grande culpaSe tendes por grande culpa
Expandir Um tempo sem mal nem bemUm tempo sem mal nem bem
Expandir Trovas como as do Conde do VimiosoTrovas como as do Conde do Vimioso
Expandir Sem vós, sem esperança e com meu fadoSem vós, sem esperança e com meu fado
Expandir Queixoso de querer sem ser queridoQueixoso de querer sem ser querido
Expandir Donde descança amor quando descançaDonde descança amor quando descança
Expandir Dolce alma amorosa, doce spiritoDolce alma amorosa, doce spirito
Expandir Qual é a cousa nem pobre nem ricaQual é a cousa nem pobre nem rica
Expandir Apressões de cada diaApressões de cada dia
Expandir Eu não levantei os olhosEu não levantei os olhos
Expandir Segredos nunca cuidadosSegredos nunca cuidados
Expandir Tudo o que vejo tem fimTudo o que vejo tem fim
Expandir EsperançaEsperança
Expandir Pede-me de si mesmo o tempo contaPede-me de si mesmo o tempo conta
Expandir Que devo ao monte, ou campo, que floresceQue devo ao monte, ou campo, que floresce
Expandir Horas breves do meu contentamentoHoras breves do meu contentamento
Expandir Perguntas que se fazemPerguntas que se fazem
Expandir Vão-se meus amoresVão-se meus amores
Expandir A vida foge sem parar uma horaA vida foge sem parar uma hora
Expandir A perfeição, a graça.A perfeição, a graça.
Expandir Guiado o Padre Santo do alto lumeGuiado o Padre Santo do alto lume
Expandir Ainda que o metal luzente e duroAinda que o metal luzente e duro
Expandir Soias de cantar onde pastavasSoias de cantar onde pastavas
Expandir O mundo caduco e vãoO mundo caduco e vão
Expandir Amor verdadeiro e puroAmor verdadeiro e puro
Expandir Nunca faz erros de todoNunca faz erros de todo
Expandir La vida del amor es trabajosaLa vida del amor es trabajosa
Expandir Los ojos que una vez pudieron verosLos ojos que una vez pudieron veros
Expandir EsperanzaEsperanza
Expandir Importunos amantes de conventosImportunos amantes de conventos
Expandir O corpo jaz aqui que o gran thesouroO corpo jaz aqui que o gran thesouro
Expandir ContriçãoContrição
Expandir AmorAmor
Expandir MargaridaMargarida
Expandir SaudadeSaudade
Expandir Poder do amorPoder do amor
Expandir Dulces enganos de mis esperanzasDulces enganos de mis esperanzas
Expandir No es menester que digaisNo es menester que digais
Expandir Dejaste las hermanas y la fuenteDejaste las hermanas y la fuente
Expandir Aqui a cinza de um pastor se encerraAqui a cinza de um pastor se encerra
Expandir Assim como houve Fénix que renovaAssim como houve Fénix que renova
Expandir Vinde cá pensamento, vinde á contaVinde cá pensamento, vinde á conta
Expandir Perdi-me dentro de mim, como em desertoPerdi-me dentro de mim, como em deserto
Expandir Primícias do meu infelice estadoPrimícias do meu infelice estado
Expandir Descripcion de MadridDescripcion de Madrid
Expandir Ya se te viene llegandoYa se te viene llegando
Expandir O mal que me atormenta não se entendeO mal que me atormenta não se entende
Expandir Do illustre Gama os feitos celebradosDo illustre Gama os feitos celebrados
Expandir Vestígios pêra magoas conservadosVestígios pêra magoas conservados
Expandir Amor trouxe JesusAmor trouxe Jesus
Expandir Quem segues, Portugal?Quem segues, Portugal?
Expandir Tan estraña és la aficionTan estraña és la aficion
Expandir Viene, dulce muerte, vieneViene, dulce muerte, viene
Expandir No hagais, pensamiento mioNo hagais, pensamiento mio
Expandir Trovas como as do Conde do VimiosoTrovas como as do Conde do Vimioso
Expandir Entre vós, damas, hay unaEntre vós, damas, hay una
Expandir Foge-me diante dos olhos a esperançaFoge-me diante dos olhos a esperança
Expandir Por mais que o brando lírio entre a espessuraPor mais que o brando lírio entre a espessura
Expandir Sospechas, confusion, contradiccionesSospechas, confusion, contradicciones
Expandir Naci de abueloNaci de abuelo
Expandir Um atrevido temorUm atrevido temor
Expandir A D. Sebastião, elegiaA D. Sebastião, elegia
Expandir Si el amor una alma enciendeSi el amor una alma enciende
Expandir Solo sé el porquéSolo sé el porqué
Expandir Cheio de furiosa chama ardenteCheio de furiosa chama ardente
Expandir O grande esforço, o saber facundoO grande esforço, o saber facundo
Expandir Ínclita geração do Almirante GamaÍnclita geração do Almirante Gama
Expandir Vuelve, Philis hermosa, onde este llanoVuelve, Philis hermosa, onde este llano
Expandir Quam bem parece um peito DiamantinoQuam bem parece um peito Diamantino
Expandir Siendo ya de la prisionSiendo ya de la prision
Expandir Que yo cien bocas tuvieseQue yo cien bocas tuviese
Expandir Abre, abre las orejasAbre, abre las orejas
Expandir Llorad sin descansar, ojos cansadosLlorad sin descansar, ojos cansados
Expandir Se de vós já se me deuSe de vós já se me deu
Expandir As armas desta vossa sepulturaAs armas desta vossa sepultura
Expandir Tal estoy del sentimientoTal estoy del sentimiento
Expandir Si por caso yo vivieseSi por caso yo viviese
Expandir Vestida já de luz e divindadeVestida já de luz e divindade
Expandir Soberbo Briareu, que antigamenteSoberbo Briareu, que antigamente
Expandir Ojos que se quieren bienOjos que se quieren bien
Expandir Dona velha relhaDona velha relha
Expandir Aos GovernadoresAos Governadores
Expandir Aos governadores de PortugalAos governadores de Portugal
Expandir Folia. Vossa MagestadeFolia. Vossa Magestade
Expandir Um é PresidenteUm é Presidente
Expandir Bispo, não vae láBispo, não vae lá
Expandir Ao MondegoAo Mondego
Expandir Tolhe-me que vos não vejaTolhe-me que vos não veja
Expandir Estas postreras razonesEstas postreras razones
Expandir Suena con vuestro valorSuena con vuestro valor
Expandir A morte de LeandroA morte de Leandro
Expandir LamentaçãoLamentação
Expandir ArithmetricaArithmetrica
Expandir Índice onomástico de cantores e cantadosÍndice onomástico de cantores e cantados
Expandir Índice geralÍndice geral
Expandir ErrataErrata
Expandir [Contra-capa][Contra-capa]